DUSSEK DE QUARTA

Posted By on jul 12, 2008 | 6 comments


De repente, Eduardo Dussek chegou de Curitiba pra fazer um show no bar Brahma, na quarta passada – 9 de julho – e me ligou. Imagine se eu iria perder essa…

Dussek pode fazer – se ele quiser – o mesmo show, mil vezes e sempre será diferente. Não adianta ele dizer que seu show é um improviso devidamente ensaiado. São duas horas de surpreendentes curiosidades e altíssimo astral (um amigo meu disse que se curou da gripe, depois do seu show).
Brincadeiras á parte, foi muito bom ouvir de novo suas canções e também a interpretação que só ele daria pra minha canção.

Lá pras tantas (a casa lotada), Cauby Peixoto que estava na platéia, concordou em dar uma “canja”, cantando uma canção de Dussek, com ele. Imperdível.
Canções como “Brega e Chique (Doméstica)”, “Aventura”, “Cabelos Negros”, “Cantando no banheiro” são eternas. Principalmente na interpretação de um artista com pleno domínio da sua platéia a ponto de conseguir com que no “Rock da cachorra”, toda a platéia “latisse” junto com ele.
Um artista assim completo – cantor, ator, escritor, compositor, pianista – não é comum no nosso país. Inteligente, elegante, educado e ainda por cima bonito.
Eu me sinto previlegiada por ter um parceiro desse porte. Fizemos juntos várias canções (Sou eu, Quem é você, Música e Letra, etc.) e se Deus quiser faremos outras mais. Nossa parceria sempre deu sorte; música-tema de shows, de novelas, gravadas por excelentes intérpretes, incluindo ele mesmo.
Dussek deve ficar no mínimo um mês no Bar Brahma, todas as quartas, às 22hs. Se eu fosse você iria lá pra conferir. Ele é no mínimo, o máximo. – Foto –  no camarim depois do show; Malcolm Forest, Dussek e eu
HAPPY END CLOCK...
DIA 9 DE JULHO - FERIADO PAULISTA

Comente!

6 Comments

  1. Como gostaria de ir ao Brahma… se voce aconselha debe ser muito bom..
    Infelizmente estou voltando em uma quarta…

    Post a Reply
  2. Oi Jorge,

    Pena mesmo… Mas quem sabe vc volte numa outra quarta, não é?
    bjs

    Post a Reply
  3. Isolda, aqui em Maringá, nas reuniões musicais com amigos, sempre falei doe Dussek. Desde que ele surgiu, com aquele seu jeito meio Dartagnan, achei o máximo também. Fico com inveja de você aí na Paulicéia, tendo todas essas possibilidades de ver artistas tão maravilhosos com Dussek, Cauby, e outros et ceteras tão competentes que são nossos músicos brasileiros. Beijão. ÓTIMA SEMANA PR’OCÊ!

    Post a Reply
  4. Pois é Balestra, tem muita coisa por aqui pra ver e ouvir, mas aí tambem tem. Conheço sua cidade, que não tem essa agitação aqui de Sampa,mas é muito gostosa.Boa semana pra você também
    Um beijo

    Post a Reply
  5. Isolda, que prazer poder te encontrar aqui na blogosfera. Não imagina o qto sou fã do Roberto e tb minha filha mais velha. Mas no meu caso a sua música “Outra vez”, faz parte da minha vida já q a letra diz exatamente o q aconteceu c um ex, q foi o pior dos meus casos!!! rsrs Essa música mexe comigo até hoje qdo eu o encontro e ele tb é fascinado pela letra. Diz q foi feita p nós!!!! Metido!
    Mas outra coincidência é q adoro o Dussek. Sempre q ele vem à Niterói vou vê-lo, ele é inimitável. Sabe q já o vi até no Maracanãzinho????
    Incrível, não, mas já faz tempo!
    Bem, já falei demais. Espero q já q gosta de moda apareça no meu blog
    acessoriosdamarisa.blogspot.com e se puder passe tb no vivendodehistorias.blogspot.com onde conto coisas e falo de livros minha paixão. Bjks e grande prazer

    Post a Reply
  6. Oi Marisa,

    Obrigada pela sua visita, uma graça seu blog, parabens.Um beijo e volte sempre.

    Post a Reply

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>