LOVE

Posted By on nov 19, 2010 | 8 comments


Diante de tantas técnicas e medicinas reparadoras, que a cada dia reinventam mais uma fonte da juventude, eu comecei a refletir sobre a razão dessa corrida as clinicas de tratamento e cirurgias, as idas incansáveis as academias, essa ansiedade feminina, em cortar, moldar, decepar, passar fome, se estressar, pra ficar bela, mais bela, ainda mais…..

Há que ser bela pra ser amada, repete a mídia. Amada por ela mesma, amada pelo outro e por esse amor não se medem esforços, sacrifícios, riscos de vida. Afinal, ainda segundo a mídia, o sexo dito frágil, para ser aceito tem obrigação de ser perfeito, nada menos do que isso. E elas acreditam. E enquanto acreditam a industria da chamada beleza, cresce e enriquece. Apenas um detalhe:

– É garantido, que uma mulher linda, perfeita, segundo nossos padrões de beleza, ganha o direito de ser amada de verdade? Não falo de adoração de fã, mas do amor fiel e leal, capaz de abdicar qualquer outra coisa por ela. Existe alguma mulher fantástica que seja também fantasticamente amada? Ok, existe, porem, na maioria das vezes, o amor mesmo, parece não ser endereçado a mulher perfeita. Vinicius que me perdoe, mas beleza nunca foi fundamental.

Dentre as mulheres mais amadas da história, a gente tem alguns exemplos.

Wallis Simpson, a Duquesa de Windsor – Americana, divorciada varias vezes, sem beleza nem origem e educação necessária para ocupar um lugar ao lado de Edward VIII, herdeiro do trono da Inglaterra. Por ela, ele abdicou do seu reinado, se afastou da família, provocou um escandalo no país, mas se casaram e viveram juntos, amantes e felizes até o final dos seus dias.

Yoko Ono – Até prova o contrário, foi ela o estupim que fez com que Lennon acabasse com o grupo mais famoso da história da musica e também não era nada bela, nem sexy, nem jovem…

Frida Kahlo – Amante dos mais interessantes homens do seu tempo, adorada e cultuada inclusive pelo homem que ela amava . Ela era mais ela e com bigode e tudo.

Camila Parker – Ela teve tal importancia na vida do príncipe Charles, a ponto de sugerir a ele a nova princesa da Inglaterra (Diana, que apesar de bonita, foi traída, mal amada, etc). Camila continuou como sua amante até finalmente se casar com ele, sendo como todas as outras; sem beleza, divociada, com filhos e mais velha que a sua ex mulher.

Domitila de Castro, a Marquesa de Santos – Nada bonita, com muitos filhos e que ainda mantinha vários amantes.Por muito pouco deixou de ser imperatriz do Brasil. O grande amor do imperador D. Pedro l.

Bom, essas e outras mais, incluindo Cleópatra que dizem, nada tinha de beleza, mas com seu poder de sedução dominou Julio Cezar e Marco Antonio.

Alguém conhece alguma mulher conhecidamente linda, que tenha abalado corações masculinos a ponto de mudar o rumo da história? Ta bom, a Carla Bruni, a escandalosa senhora Sarkozy, é bonitinha, mas não abalou (por mais que tentasse). Talvez precisasse enfear um pouco, engordar, emagrecer, envelhecer ou quem sabe, estudar na cartilha da Yoko…

DANIEL FILHO - CARIOCAS
A SAUDADE QUE EU GOSTO DE TER

Comente!

8 Comments

  1. A verdadeira beleza está dentro, não fora.

    Post a Reply
  2. ADOREI SEU TEXTO!!!
    FANTÁSTICAMENTE VERDADEIRO.
    NADA MAIS HÁ PARA SE DECLARAR.
    PARABÉNS!!!

    Post a Reply
  3. Oi Ale, Não perca as esperanças…rs. Pra tudo tem solução..rs
    beijos

    Post a Reply
  4. Oi Penseira, obrigada. Que bom que vc gostou!
    beijos

    Post a Reply
  5. Nobre colega Isolda,

    As mulheres que são submetidas à linha de produção da beleza, esteticamente se sobressaem à primeira vista. Mas, quando submetidas ao controle de qualidade da convivência diária, caso não possua também aquela beleza invisível aos olhos, facilmente o que era bonito se transforma num bonito feio, com pouca chance de uma convivência mais longa. O ideal seria a junção das duas belezas (visível e invisível) que se tornaria um bonito bonito. O que temos visto é que o bonito bonito é um caso raro, como você comentou, mas existe. A realidade é que o feio bonito tem mais longevidade do que o bonito feio. Talvez seja porque os opostos se atraem.

    Um grande abraço

    Post a Reply
  6. Marley,

    Pode ser que seja por aí, mas ainda tenho dúvidas em relação a esse “feio/bonito” ou vice versa. Mas que é uma incrivel “coincidencia”. Lá isso é…
    um beijo

    Post a Reply

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>